Pensamento de formiga para ser grande na vida

Jim Rohn, um de meus autores preferidos, tem uma palestra sobre “sucesso” para crianças. Ele usa fábulas para transmitir seus conceitos e a principal delas é o que ele chama da Filosofia das Formigas. Segundo Rohn, as formigas têm quatro conceitos que todos deveríamos estudar. O primeiro conceito da filosofia das formigas é que elas não desistem. Veja como uma coisa simples é fundamental na vida. Se uma formiga vai andando em uma direção e você tenta pará-la, ela vai achar um outro jeito de avançar. Ela vai tentar passar por cima, pelos lados, por baixo. Ela sempre procura um outro jeito. Que filosofia interessante: nunca deixar de procurar formas diferentes de chegar aonde você quer.

Segundo, formigas pensam no inverno durante todo o verão. É uma perspectiva interessante. Você não pode ser ingênuo achando que o tempo bom vai durar para sempre. As formigas passam o verão todo juntando comida para passar o inverno. Elas pensam no futuro e se preparam.

A terceira parte da filosofia das formigas é que as formigas pensam no verão o inverno inteiro. Isso é muito importante! Durante o inverno, as formigas motivam-se pensando: “Este tempo horrível já vai passar, logo sairemos daqui”. E no primeiro dia de sol elas saem correndo do formigueiro, motivadas para trabalhar e descobrir coisas novas. Se esfriar novamente, elas voltam para dentro, esperando mais uma vez que esquente para que possam sair.

E aqui está a última parte da filosofia das formigas. Quanto às formigas juntam durante o verão para passar o inverno? Tudo o que conseguem. Elas não gastam achando que tem suficiente, ou que aquilo é tão pouco que não vale a pena guardar. Simplesmente guardam tudo – e por isto têm quando precisam.

Como diz o Jim Rohn, quatro pontos simples, uma filosofia poderosa. Mais do que planos milagrosos, precisamos pensar mais como as formigas. Se cada um fizer sua parte, a colônia inteira prospera e cresce.

As formigas têm foco. O poder da coletividade em foco! Trabalhar junto é abreviar o caminho para as metas. Nunca perder o foco e evitar o desperdício de tempo, elemento em escassez nos tempos modernos.

Se existe uma reclamação comum hoje em dia com certeza é a falta de tempo. Temos tantas opções e obrigações que 24 horas no dia e 7 dias na semana não são suficientes. Cada pessoa tem um jeito de lidar com isso. Algumas dormem menos, outras vão deixando de fazer coisas, outras ficam estressadas, outras desistem.

Obviamente chega um ponto onde temos que fazer escolhas e, dependendo do que for escolhido, podemos ser muito mais felizes e produtivos ou o contrário. Aliás, como não podemos administrar o tempo, mas sim apenas nossos atos, escolher e priorizar é realmente a única forma de ser mais eficaz (e não enloquecer).

Canfield, Hansen e Hewitt, autores de “O Poder do Foco” (Editora Best Seller) propõem um exercício muito simples mas extremamente prático de 7 passos para colocar em ordem suas prioridades. É o que eles chamam de “Workshop de Focalização Prioritária”.

a) Faça uma lista de todas as atividades no trabalho que consomem seu tempo. Por exemplo, telefonemas, reuniões, relatórios, vendas, etc. Inclua tudo, mesmo atividades que só parecem consumir 5 minutos. Seja específico, claro e conciso.
b) Descreva 3 atividades em que é brilhante no trabalho.
c) Cite as 3 atividades mais importantes que geram renda para sua empresa.
d) Cite as 3 atividades mais importantes que você não gosta de realizar ou nas quais seu desempenho é medíocre.
e) Faça uma lista de pessoas que poderiam realizar estas tarefas por você.
f) Quais atividades consumidoras de tempo você vai delegar imediatamente ou dizer ‘não’?
g) Quais benefícios imediatos resultarão dessa decisão? O que vai fazer com o tempo disponível?

Assuntos inacabados são outro problema sério, por isto os autores do livro recomendam um outro sistema, também simples e prático:

.::. Faça uma lista dos assuntos inacabados que você quer resolver.
.::. Faça uma lista dos benefícios que terá ao resolver estes assuntos. Como vai se sentir?
.::. Crie um plano de ação para resolvê-los. O que vai fazer exatamente?
.::. Coloque uma data limite. Quando é que vai resolvê-los?

Seja qual for o método utilizado, alguém que busca a realização pessoal e profissional, um estilo de vida saudável, relacionamentos interessantes e equilíbrio entre trabalho e vida familiar com certeza precisa ter bem claro qual é seu foco e suas prioridades. Menos estresse e mais produtividade – não é o que todos queremos? O Sucesso e a independência financeira.

Não é fácil se manter no patamar dos bem sucedidos, mas chegar é muito mais simples.

O segredo daqueles que são independentes, que têm sucesso sustentável, que podem parar de trabalhar e continuarem com um padrão de vida bem bacana, está na disciplina, no poder de empreender, de investir, de economizar.

Os melhores especialistas e autores de finanças destacam formulas para enriquecer, mas sem dúvida, o mundo das vendas é o caminho mais curto para isso. Nestes 15 anos treinando e dando palestras para equipes comerciais, conheci centenas de vendedores ricos, muito ricos, multimilionários. A base do sucesso contínuo ao longo de suas carreiras, foi o pensar e o fazer acontecer. Trabalhar demais é uma verdade absoluta entre todos. O dinheiro só vem antes do sucesso e do trabalho, no dicionário.

Uma grande vendedora, uma corretora de imóveis que esteve em meus treinamentos recentemente, me contou sobre seus gimmics (palavra do idioma inglês que pode representar artimanhas ou façanhas especiais). Em vez de fazer como a maioria dos corretores, esta grande profissional trabalhava muito mais quando acabava de fechar uma venda. Ela contava que, um corretor normal trabalha muito para fechar uma venda, mas quando fecha, em grande parte, decide gastar boa parte do bom dinheiro que se ganha com estas comissões de venda de imóveis. Muitos viajavam, tiravam férias, diminuíam o ritmo. Esta campeã não. Ao vender, ela usava este entusiasmo para contagiar ainda mais clientes, e não cessava seus esforços de prospecção.

No dia seguinte a um grande fechamento, lá estava ela colocando faixas nas ruas, promovendo novas unidades que tinha para vender. Não reduzia seu ritmo jamais. Não tinha vergonha de fazer panfletagem, entrega de panfletos em pontos estratégicos como shoppings e condomínios comerciais. O trabalho dela era extremamente maior que os demais, mesmo já tendo relativo sucesso. Moral da história: esta corretora chegava a vender 15 imóveis por mês, que é um numero extraordinário se pensar que a maioria não vende nenhum por mês.

Trabalhe duro como as formigas e pense em aprender com os melhores, pois eles trabalham demais para ter o sucesso.

Escrito por Marcelo Ortega
Para contratar este palestrante: (11) 2221-8406 ou

Clique aqui

Карагиозис был одним из персонажей греческого театра теней, нечто вроде Петрушки средневекового театра Европы.

Она, несомненно, ждала кого-то и, судя по нетерпеливому взору, каким она окидывала каждого появлявшегося "Атлас мира" на площади, тот, кого она ждала, был ей очень "MetaTrader 4: Учимся зарабатывать на FOREX" нужен.

Но еще не был посвящен в эту часть капитанских секретов.

Возможно прошло десять минут, прежде чем появился просвет рядом с верхушкой арки.

Излишнее любопытство может стоить жизни.

Один из стражников отложил в сторону меч и стал помогать ему.

Informações Adicionais