Em vendas o caos é sempre mais simpático

Nos primórdios na Grécia antiga o Caos é o mais velho dos deuses e a primeira divindade a surgir no Universo. O Caos era o ar que preenchia o espaço vazio, era algo amplo e também uma mistura de vários elementos, ou seja, uma grande confusão.

Os deuses da Grécia antiga se transformaram em mitos e fontes inspiradores para belas histórias e muito tempo depois nasce Edward N. Lorenz (*1917+2008) o matemático que adorava meteorologia e o criador da Teoria do Caos.

A Teoria do Caos é um padrão de organização dentro de um fenômeno desorganizado, ou seja, dentro de uma aparente casualidade.

Em vendas o risco do caos é a sua simpatia! O caos parece ser o mais fácil. Explico: é difícil controlar e as pessoas tendem a querer o mais fácil. É mais fácil vender preço do que valor, guardar na memória informações que deveriam estar no CRM ou prometer o que dificilmente irá cumprir. O caos é barulhento! No fim do mês é aquela agitação todos correndo contra todos.

Controlar tudo é impossível. Fazer sua empresa funcionar certinha como um relógio suíço é apenas um sonho muito distante da realidade. É impossível fugir do caos, mas nada de deixar que ele se instale e impere na sua organização.

Administre o caos e minimize os seus riscos. Descubra formas simples de monitorar e melhorar os processos que efetivamente afetam os resultados das suas vendas.

O caos está instalado na nossa vida e longe de ser uma coisa boa o caos também está distante de ser algo totalmente ruim. Porém deixar tudo ao acaso esperando que tudo funcione somente pela boa vontade das pessoas é caminho certo para uma grande confusão.

E confusões demais acabam com a vida de qualquer empresa!

Escrito por Paulo Araújo
Para contratar este palestrante: (11) 2221-8406 ou

Clique aqui

Informações Adicionais