Seu Cliente é Seu Fã?

“O cliente tem que ser o seu vendedor Nº 1. E ele não te cobra nem a comissão”. Giclér Regina

Eu estava numa cidade do interior de Goiás onde faria uma palestra à noite quando alguém me fez essa colocação: “Por que meu concorrente ao lado vende mais”? Sua loja fica no mesmo quarteirão do meu, trabalha com o mesmo tipo de produto que eu vendo, seus preços são praticamente iguais, acho até que a minha loja tem uma aparência melhor... Por que essa loja vende mais que a minha? Eu não entendo! 

Fui ver a tal loja que vende mais... Realmente tudo o que ele tinha relatado era verdade, esquecendo-se apenas de um detalhe! Naquela loja o atendimento é espetacular. Notei um brilho diferente nos olhos das pessoas... 

Um ambiente de alegria, de entusiasmo, um bom humor explícito no ar, um clima mágico e eu que acabei entrando só para dar uma olhada... Acabei fazendo uma pequena compra.

Muitos lojistas não percebem que o atendimento de sua loja é apático, frio, com pessoas aparentemente descompromissadas, sem nenhuma vontade... 

Não basta ter um bom ponto comercial, uma loja vistosa, variedade de produtos, conforto se não houver esse complemento que faz toda a diferença: Atendimento com amor, isto é, vendedores que atuam por pura paixão e sabem que dinheiro é apenas conseqüência de um bom trabalho...

Esse é um erro muito comum em vendas... Empresários investem uma fortuna em aparência, tecnologia, publicidade e deixam para trás o mais importante, vendedores que se fossem treinados e motivados fariam toda diferença.

O que é preciso fazer para incendiar seus resultados? Eis alguns conceitos: Colocar-se no lugar do cliente: Sinta o ambiente, perceba as prateleiras e gôndolas, as promoções, a limpeza, a fachada, a iluminação, a organização, a alegria, o humor da equipe, todos os detalhes que ajudam ou atrapalham as vendas.

Olhar no olho dos atendentes e ver se estão trabalhando com alegria, vontade e entusiasmo a ponto de contagiar os clientes. Este é um fator decisivo nas vendas.

Treinar, treinar, treinar... Realize treinamentos que tratem da motivação, que simulem a venda, a assistência, o pós venda, explicações sobre o produto, sobre a logística, entrega, etc... Se não for convincente não trabalha enquanto não estiver preparado.

Criar o seu diferencial: O cliente tem que ser o seu vendedor Nº 1 e ainda não te cobra nem a comissão. Se o seu cliente é seu fã ou mesmo fã de sua empresa, o sucesso já está no cofre... Mas para mantê-lo assim, é preciso oferecer sempre mais: O cafezinho quentinho, quem sabe um bombom, um desconto especial já ofertado para a próxima compra, um agrado para as crianças e tantas coisas a pensar...

Faça o teste e terá absoluta certeza num curto espaço de tempo esse marketing boca-a-boca fará a diferença, irá incendiar suas vendas e triplicar o seu faturamento.

Pense nisso, um forte abraço e esteja com Deus!

Informações Adicionais