O Vendedor Interdependente

A profissão de vendas sempre me pareceu solitária. Tinha a impressão de que poucos pensavam assim, mas ao trabalhar com vendas e treinar milhares de vendedores percebi que esse é um pensamento bastante comum.

O vendedor, em primeiro plano, deve atingir as suas metas, tem as suas visitas para fazer aos seus clientes, que na verdade são da empresa e não seus. Entre tantos seus fica difícil a vida dos nossos, não é verdade?

Mas é preciso lembrar que crescemos com a ilusão de que um dia alcançaríamos nossa independência. Independência soa como uma palavrinha mágica aos nossos ouvidos, pois já nos remete a sensação de liberdade. Mas creia, leitor, que o vendedor de sucesso é um sujeito interdependente, pois bem sabe que o seu sucesso depende do sucesso do outro.

Veja como ser mais interdependente e melhorar seu desempenho na empresa e junto a seus clientes.

Nada de depender dos outros. A relação de total dependência na verdade é sinal de imaturidade e só nos traz mazelas na carreira e na vida. Seja dono de seu próprio destino e lembre-se sempre que você é quem deve construir o seu sucesso. Nada de colocar nas mãos dos outros decisões que só você deve tomar.

A total independência é só uma sensação. Uma utopia, nunca um fato. Ninguém vive completamente só ou consegue atingir objetivos sem a ajuda dos outros. Agir e querer viver como um profissional completamente independente só vai fazer com que os outros tenham uma vontade imensa de provar pra você o quando você depende deles. A maneira mais fácil de fazer isso é complicando a sua vida! Isso é tudo o que você não quer e nem precisa, certo?

Interdependência é flexibilidade. O profissional de vendas de sucesso tem ciência do seu papel e do papel dos outros. Ele torce de verdade para que a concorrência também cresça, pois sabe que precisa de um mercado forte e maduro para sobreviver. Sabe que trabalhar em equipe é importante e que o cliente só irá voltar a comprar se todo o processo da empresa funcionar como uma orquestra, onde cada qual precisa tocar o seu instrumento com excelência e precisão. Já entendeu que a nova competitividade se faz com cooperação e não se angustia quando não sabe uma resposta. Sempre leva em conta os sentimentos dos outros, os problemas dos colegas de trabalho dos outros setores, busca soluções e com um fervor missionário prega por toda a empresa que todos temos de focar no cliente, por que sem ele nossos sonhos não se realizam.

Interdependência é assim como os três mosqueteiros - um por todos, todos por um!

Clique aqui

Informações Adicionais